15.4 C
Belo Horizonte
Friday, 16 / April / 2021
- Publicidade -

O fim do turno que não tem data para terminar

Mais Notícias

Viih Tube debocha de Juliete ao dar nome inusitado para partes íntimas

Juliette Freire no BBB21; advogada chama partes íntimas femininas com nome masculino.

Samarco pede recuperação judicial

A decisão também foi divulgada pela Vale em um comunicado ao mercado

Sorteio da mega-sena pode pagar R$ 27 milhões neste sábado

Aposta mínima custa R$ 4,50 e pode ser realizada pela internet

Choque com tropas deixa 11 manifestantes mortos em Myanmar

Em Taze, manifestantes enfrentaram militares com armas caseiras

O primeiro turno do Campeonato Brasileiro terá, no próximo fim de semana, a disputa da 19ª rodada. Em tese, no mundo ideal, seria, também, o fechamento dessa fase do campeonato, com a indicação simbólica de quem será o campeão. O “título”, na verdade, vale de nada, nem mesmo dá direito a um troféu, já que o campeão brasileiro será conhecido ao final das 38 rodadas, nos pontos corridos. Mas saber como está o seu time de coração, na metade do Brasileirão, é o mínimo do que precisa o torcedor para planejar o returno e saber com o que poderá sonhar.

Tem outra situação, essa mais voltada também para os estatísticos, matemáticos e/ou supersticiosos. Desde 2003, quando os pontos corridos foram instituídos no Campeonato Brasileiro, 13 vezes o campeão do turno também foi o campeão nacional. Em apenas quatro o fato não aconteceu: 2008, com o Grêmio (São Paulo campeão); 2009, com o Internacional (Flamengo campeão); 2012, com o Atlético Mineiro (Fluminense campeão); e 2018 com o São Paulo (Palmeiras campeão).  Ou seja, até nesse aspecto é bacana ver se o seu time vai manter a tradição. De certo, o que nunca deixou de acontecer é a queda para a Série B do último colocado do turno – nas 17 vezes isso se confirmou. Mas quem será o “lanterna”, após as 19 rodadas serem completadas por todos?

No momento, 11 dos 20 times estão devendo ao menos um jogo. Ou seja, mais da metade: São Paulo, 3; Vasco, Fortaleza e Goiás, 2; Ceará, Bahia, Botafogo, Atlético-MG, Palmeiras, Grêmio e Athletico-PR, 1. Na parte de cima, por exemplo, a gente olha e vê Internacional, Flamengo, Atlético Mineiro e Fluminense, no G4. Mas é o São Paulo, em quinto lugar, que poderia estar na frente, se considerarmos que ele vencerá os três jogos atrasados (isso é pura especulação, é óbvio). Da mesma forma na parte de baixo, onde aparece o Goiás na 20ª posição, com dois jogos a menos que o Coritiba. Qual dos dois vai ficar com a ingrata “lanterna” na mão?

São 8 jogos adiados, pelos mais diversos motivos: covid, final de Estadual, ajuste da grade da emissora detentora dos direitos, definição de participação na Copa Sul-Americana. O curioso é que em nenhum momento foi cogitado usar, com os times com jogos em atraso, a premissa de colocá-los em campo com intervalo de 48h, o que está permitido esse ano. Só o Flamengo pagou esse preço, por ter adiado um jogo que seria dia 19 de setembro e que foi transferido para 13 de outubro, três dias após enfrentar o Vasco e dois dias antes de encarar o Bragantino.

Não dá para entender como não foi possível, até o momento, encontrar datas para dois jogos da primeira rodada, dia 08 de agosto: Palmeiras x Vasco e Goiás x São Paulo; no dia 29 de agosto, foram mais dois: Atlético-MG x Athletico-PR e Grêmio x Goiás, pela sexta rodada; pela 16ª, dia 14 de outubro, outros dois adiados: Vasco x Fortaleza e Ceará x São Paulo; e pela 18ª rodada, dia 24 de outubro, São Paulo x Botafogo e Bahia x Fortaleza. Ressalte-se que o Atlético Mineiro e o Goiás não estão envolvidos em outro campeonato, além do Brasileirão; Bahia e Vasco estão na Sul-Americana; Botafogo e Ceará, na Copa do Brasil, de onde o Fortaleza foi eliminado no domingo (25); o São Paulo está na Copa do Brasil e na Sul-Americana; e Grêmio, Athletico-PR e Palmeiras estão na Copa do Brasil e na Libertadores.

É bem verdade que o “campeão” do turno pode ser conhecido no fim de semana, na dependência de uma combinação de resultados. Os jogos que poderão definir isso são Corinthians x Internacional, sábado (31); Flamengo x São Paulo, domingo (01.11); e Palmeiras x Atlético-MG, segunda-feira (02.11). Mas não é certo, o que nos levará a aguardar a boa vontade da CBF ou de quem mais define a tabela.

Os oito jogos não têm data para acontecer. E com isso não tem data para terminar o primeiro turno do Brasileirão.

Por Sergio du Bocage, apresentador do programa “No Mundo da Bola”, da TV Brasil

Edição: Verônica Dalcanal

- Publicidade -

Mais Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Últimas Notícias

Viih Tube debocha de Juliete ao dar nome inusitado para partes íntimas

Juliette Freire no BBB21; advogada chama partes íntimas femininas com nome masculino.

Samarco pede recuperação judicial

A decisão também foi divulgada pela Vale em um comunicado ao mercado

Sorteio da mega-sena pode pagar R$ 27 milhões neste sábado

Aposta mínima custa R$ 4,50 e pode ser realizada pela internet

Choque com tropas deixa 11 manifestantes mortos em Myanmar

Em Taze, manifestantes enfrentaram militares com armas caseiras

Funeral do príncipe Philip deve ocorrer no dia 17

Cerimônia estava planejada; rainha Elizabeth passa por 8 dias de luto