17.8 C
Belo Horizonte
Thursday, 29 / July / 2021
- Publicidade -

Minas começa vacinação das Forças de Segurança e Salvamento

Mais Notícias

Aryzta investirá R$ 400 milhões em Minas Gerais

Fábrica de pães vai gerar 1,3 mil empregos em Pouso Alegre, no Sul do estado

Governo de Minas divulga novo prazo para exigência do CRLV

Certificado de 2019 passa a ter validade até 31 de dezembro deste ano

Secretaria Educação divulga lista de escolas aptas para ensino presencial

Mais 79 unidades retomam atividades com os alunos nesta segunda-feira (28/6)

Minas Gerais tem 45.924 mil óbitos pelo novo coronavírus

Minas Gerais registra 209 óbitos nas últimas 24h
- Publicidade -

Os profissionais das Forças de Segurança e Salvamento e das Forças Armadas começaram a ser imunizados em Minas Gerais, conforme orientação do Programa Nacional de Imunizações, do Ministério da Saúde (MS). 

A partir da 11ª remessa, recebida em 1/4, parte das doses de CoronaVac já será utilizada para imunizar 4.205 profissionais das forças de segurança, o que corresponde a 6% deste público-prioritário tomando a D1 (ou primeira dose).

Quantitativo

O quantitativo foi disponibilizado às 28 Unidades Regionais de Saúde (URSs) conforme Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação Contra a Covid-19 (PNO), tendo como base os números informados pelos municípios, conforme Nota Técnica nº 297/2021, do Ministério da Saúde (MS). A partir destes dados, foram distribuídos os 6% determinados para as categorias, nessa primeira etapa.

Prioridade

A vacinação das Forças de Segurança será ordenada por critérios de prioridade, visando contemplar os profissionais mais expostos à covid-19. Serão vacinados: os trabalhadores envolvidos no atendimento e/ou transporte de pacientes, trabalhadores envolvidos em resgates e atendimento pré-hospitalar, trabalhadores envolvidos diretamente nas ações de vacinação contra a covid-19, trabalhadores envolvidos nas ações de vigilância das medidas de distanciamento social, com contato direto e constante com o público independente da categoria.

“As Forças de Segurança têm auxiliado tanto nas ações que buscam conter a disseminação da doença, quanto na fiscalização de distanciamento social e de medidas restritivas e preventivas. Além disso, parte desses profissionais têm desenvolvido ações de apoio a operacionalização da Campanha Nacional de Vacinação contra a covid-19”, explica Janaina Fonseca, diretora de Vigilância de Agravos Transmissíveis da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG).

Desde o início da pandemia, as Forças de Segurança pública têm participado ativamente das ações de enfrentamento à pandemia. Neste primeiro momento, serão imunizados os profissionais que realizam ações de combate à doença ou que estão envolvidos na resposta pandêmica.

Pleito de Minas

Em 26/3, Romeu Zema pleiteou alteração no calendário do Plano Nacional de Imunização para inclusão das Forças de Segurança. Por videoconferência, o governador participou da primeira reunião com o Comitê Gestor nacional de enfrentamento da pandemia de covid-19. Na ocasião, ele cobrou o cumprimento dos critérios do Plano Nacional de Imunização (PNI), de forma a garantir a vacinação de todos os idosos, e ainda pediu prioridade no calendário às Forças de Segurança.

Na quinta-feira (1/4), mais de 1 milhão de vacinas contra a covid-19 chegaram ao estado na 11ª remessa enviada pelo MS, o que vem dando continuidade a esta que é a maior operação de vacinação da história de Minas Gerais.

- Publicidade -

Mais Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Últimas Notícias

O futuro da Indústria é o Lean 4.0

Essa metodologia, que nasceu no chão de fábrica automotivo, é hoje reconhecidamente uma das melhores práticas de gestão industrial, e seu sucesso fez com que se expandisse também para outros segmentos

Caminhões autônomos movimentam peso de 35 mil ‘Maracanãs’ em mina de Minas Gerais

No local, veículos da Vale transportam minério de ferro sem operador na cabine desde 2016. Segundo a empresa, tecnologia diminuiu emissões de carbono e aumentou produtividade.

Mamografias logo após vacina contra covid-19 não é recomendada

Recomendação é que se espere de duas a quatro semanas

Exercício físico com supervisão é benéfico na pandemia

Saúde mental e física melhoram mais quando prática é supervisionada
- Publicidade -

Mundo Go!

Conheça as 7 raças de cachorro mais popular do Brasil

Separamos as 7 raças de cães mais populares do Brasil.

Veja 8 dicas para preservar a segurança da mulher

A violência urbana pode acontecer a qualquer momento, seja na rua, no transporte coletivo, em locais públicos e até na sua própria residência. Com isso, a população se sente insegura e com medo de sair de casa.

Como escolher a cadeira ideal para o home office e evitar dores

É muito importante saber como escolher a melhor cadeira para o home office, pois ela vai influenciar diretamente no seu conforto e na sua produtividade.
- Publicidade -
- Publicidade -