24.5 C
Belo Horizonte
Tuesday, 18 / May / 2021
- Publicidade -

América-MG bate Cruzeiro e aumenta vantagem na semifinal do Mineirão

Mais Notícias

Uefa anuncia sanções a clubes, após acordo com desertores da Superliga

Entidade adotará ações disciplinares contra Juventus, Real e Barça

Libertadores: São Paulo segura empate sem gols com Racing na Argentina

Grande atuação de Miranda é destaque em meio à má atuação do Tricolor

Sul-Americana: com gol no fim, Red Bull Bragantino perde em casa e se complica

Com um jogador a menos, Massa Bruta é pressionado e cai para Talleres

Ponte mantém tabu de 12 anos, bate Guarani e segue viva no Paulista

Vitória alvinegra no clássico impede classificação antecipada do Bugre

Em partida com lances polêmicos, o América-MG venceu o Cruzeiro de virada por 2 a 1 no primeiro jogo da semifinal do Campeonato Mineiro, realizado neste domingo (2) no Mineirão. A Raposa saiu na frente no primeiro tempo com Rafael Sobis e o Coelho reverteu o placar no fim da segunda etapa, com gols de Alê e Ademir.

Como foi o segundo colocado da fase classificatória, o Coelho começou a decisão com a vantagem de dois empates ou vitória e derrota pela mesma diferença de gols. O clássico mineiro começou com o Cruzeiro pressionando e atacando pelas laterais com cruzamentos perigosos, principalmente de Cáceres. O Coelho jogava em contra-ataques, exigindo boas defesas de Fábio.

O lance polêmico do primeiro tempo veio em um lançamento para Bruno José. Em posição duvidosa, o jogador do Cruzeiro avançou pela direita e passou para Rafael Sobis finalizar de canhota. O juiz anulou o gol mas, após a conferência do VAR, reviu a decisão e validou o tento cruzeirense. Após muitas reclamações, o técnico do América, Lisca, recebeu o cartão amarelo e está fora da segunda partida da semifinal.

O Coelho iniciou a segunda etapa procurando espaços na defesa cruzeirense. Aos nove minutos o artilheiro americano, Rodolfo, acertou a trave em uma forte arremetida. A resposta veio num bate-rebate na área do América, com finalização certeira de Aírton. Porém, no início da jogada, o VAR acusou impedimento de Matheus Barbosa. Gol celeste anulado.

O América não desistiu e foi recompensado. A reviravolta na partida começou aos 40 minutos, com um gol de cabeçada de Alê, complementando um escanteio batido por Leandro Carvalho, que estava na reserva.

A caixinha de surpresas do futebol se materializou quatro minutos depois. Ademir se infiltrou na defesa da Raposa e completou o lançamento de Leandro Carvalho, estufando a rede de Fábio. Com a histórica vitória por 2 a 1, o Coelho aumenta a vantagem na semifinal.

Quem passar deste confronto vai pegar o vencedor de Atlético-MG e Tombense na final. O Galo venceu a primeira partida neste sábado (1º de maio) por 3 a 0, no Independência.

Edição: Gustavo Faria

- Publicidade -

Mais Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Últimas Notícias

CPI da Covid: Ernesto diz que não fez declarações “anti-China”; senadores contestam o ex-ministro

Em seu depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito que analisa a gestão da pandemia de Covid-19 pelo governo

Modelo Bianca Domingues disse que estava fazendo sexo com MC Kevin antes do artista cair de varanda de hotel

A modelo Bianca Domingues e o funkeiro MC VK revelaram à Polícia Civil que estavam com o cantor no momento do acidente

Câmara discute destino de precatórios do Fundef

Destino de parte dos recursos ainda não pagos está em análise