13.8 C
Belo Horizonte
Sunday, 20 / June / 2021
- Publicidade -

Plataforma reúne dados, fotos e infográficos do cerrado na internet

Mais Notícias

Pesquisadores fazem expedição em águas profundas de Fernando de Noronha

Eles encontraram quatro possíveis novas espécies de peixes

Minas Gerais registra aumento na captura de animais silvestres em áreas urbanas

Corpo de Bombeiros devolveu à natureza, entre janeiro e outubro deste e do último ano, aproximadamente 11.300 animais

Deputados da bancada ambiental querem votar pacote de propostas da chamada “pauta verde”

País é bastante afetado por queimadas no Pantanal e na Amazônia

O Instituto Sociedade, População e Natureza (ISPN), uma organização da sociedade civil, lançou nesta sexta-feira (28) o portal Cerrado Vivo, que reúne informações sobre o segundo maior bioma do país, atrás apenas da Amazônia, e um dos que seguem mais ameaçados no planeta. 

Conhecido também como a savana brasileira, ou floresta invertida, por causa das raízes profundas, o cerrado é composto principalmente por árvores baixas, arbustos espaçados e gramíneas e está presente em Minas Gerais, no Mato Grosso, na Bahia, no Mato Grosso do Sul, no Tocantins, em Goiás, no Distrito Federal, na Bahia, no Maranhão e no Piauí. Abrange 204 milhões de hectares (cerca de 2 milhões de quilômetros quadrados),  quase um quarto de toda a extensão territorial do Brasil. 

Sua flora possui mais de 12,3 mil espécies de plantas, sendo 4,4 mil endêmicas, ou seja, exclusivas dessa região. É o caso do pequi, pau-terra, barbatimão, capim dourado, arnica do cerrado e da canela-de-ema. Já a fauna abriga cerca de 30% de toda a diversidade brasileira. São mais de 850 espécies de aves, 251 de mamíferos, 800 de peixes, 820 de abelhas, mais de 1 mil espécies de borboletas, 300 de formigas, 10 de mariposas, 158 espécies de serpentes e 209 de anfíbios. Além da biodiversidade, o cerrado abriga diversos povos e comunidades tradicionais, que incluem quilombolas, indígenas, agricultores familiares, com uma rica tradição de convivência sustentável com a natureza. 

A ideia da plataforma Cerrado Vivo, de acordo com o ISPN, é ser uma fonte de apresentação do bioma para as pessoas que ainda não conhecem suas riquezas e tem uma versão em inglês para contemplar o público estrangeiro. O acervo de fotos é o grande diferencial. O portal conta também com infográficos, elaborados para explicar características botânicas, a fauna, as comunidades tradicionais, estoque de carbono e as principais ameaças, principalmente a conversão da mata original em pastagens e áreas agrícolas para sustentar a pecuária e a monocultura.  

De acordo com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), até a década de 1970, o solo do cerrado era considerado improdutivo, mas, com a evolução da tecnologia a região tornou-se responsável por cerca de 47,5% da produção de grãos no Brasil e mais de 70% da produção de carne bovina. Atividades de mineração e carvoarias também contribuem para a destruição da mata nativa, com sérios impactos ambientais. 

Edição: Fábio Massalli

Baixe grátis livros de colorir personalizados para as crianças!

Para entreter as crianças de forma divertida e educativa, os livros personalizados de colorir são um prato cheio. Aproveite e baixe grátis!

Diversos homens estão conseguindo reverter a disfunção erétil definitivamente

Quanto mais tempo você adia essa decisão, mais difícil fica uma resolução para sua disfunção. Pois, quanto mais o tempo passa, menos estímulos e menos sangue seu organismo consegue mandar para seu pênis.
- Publicidade -

Mais Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Bolsonaro pede a empresários para segurarem preço dos alimentos

Pedido ocorreu durante encontro no Rio de Janeiro

Ida para novo partido está “bastante avançada”, diz Bolsonaro

Expectativa é de que o presidente se filie ao Patriota

Brasil goleia seleção peruana e segue 100% na Copa América

Alex Sandro, Neymar, Everton Ribeiro e Richarlison marcam

Prefeitura de Betim suspende vacinação de adolescentes

Cidade pretendia vacinar adolescentes de 12 a 14 anos

Isso os brasileiros não aprendem na escola

Porque temos que ficar por mais de uma década aprendendo coisas inúteis nas salas de aula?
- Publicidade -