13.8 C
Belo Horizonte
Sunday, 20 / June / 2021
- Publicidade -

Operação de combate à exploração de crianças e adolescentes prende 41 pessoas em Minas Gerais

Mais Notícias

Prefeitura de Betim suspende vacinação de adolescentes

Cidade pretendia vacinar adolescentes de 12 a 14 anos

Betim inicia amanhã vacinação de estudantes de 12 a 14 anos de idade

A vacinação dos professores já foi iniciada no município mineiro

Suspeito anuncia assalto a fiéis, mas acaba morrendo após oração de pastor

Assaltante teve mal súbito após intervenção do religioso

Minas Gerais tem 41.720 mil óbitos pelo novo coronavírus

Minas Gerais registra 47 óbitos nas últimas 24h

Durante os três dias da Operação Parador, que buscou combater o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes em todo o país, 117 bares e casas noturnas foram fiscalizados; 2.241 pessoas foram abordadas; 1.462 veículos foram parados; 41 pessoas foram presas e cinco atendimentos a vítimas foram feitos somente em Minas Gerais.

O balanço mineiro é resultado positivo da ação idealizada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, em parceria com o Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos. Em Minas Gerais, a operação foi executada entre, entre terça (25/5) e quinta-feira (27/5), pelas polícias Rodoviária Federal e Militar e pelo Corpo de Bombeiros, sob a coordenação da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp). A ação contou também com o apoio das polícias Civil, Penal e do Sistema Socioeducativo.

Ao todo, um efetivo de 369 pessoas foi empenhado em 189 pontos de abordagem em Minas, entre estabelecimentos comerciais e rodovias. Além disso, 146 viaturas também contribuíram com as fiscalizações.

O superintendente de Integração e Planejamento Operacional da Sejusp, Bernardo Naves, destaca a importância da iniciativa. “A ação visa não só coibir, com atividades ostensivas, mas também atuar de forma preventiva nestes pontos de maior vulnerabilidade. Os danos causados a estas crianças e adolescentes são enormes; e o país não pode negligenciar esse tipo de prática”, diz.

Outros crimes

Além da atuação no combate ao abuso e à exploração de crianças e adolescentes, a operação permitiu a retirada de circulação de ilícitos e de pessoas ligadas a outras atividades criminosas. Um dos destaques foi na noite de quinta-feira (27/5).

Durante abordagem a um veículo, policiais militares rodoviários encontraram um foragido da Justiça, com mandado de prisão em aberto no Estado de São Paulo, desde abril de 2019, por homicídio. O suspeito, de 48 anos, foi detido e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Patos de Minas.

Como resultado, 91 quilos de drogas foram retirados de circulação, além de uma arma branca e uma arma de fogo. No caso dos estabelecimentos comerciais foram verificados também os Autos de Vistoria do Corpo de Bombeiros Militar e a existência de extintores de incêndio.

- Publicidade -

Mais Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Bolsonaro pede a empresários para segurarem preço dos alimentos

Pedido ocorreu durante encontro no Rio de Janeiro

Ida para novo partido está “bastante avançada”, diz Bolsonaro

Expectativa é de que o presidente se filie ao Patriota

Brasil goleia seleção peruana e segue 100% na Copa América

Alex Sandro, Neymar, Everton Ribeiro e Richarlison marcam

Prefeitura de Betim suspende vacinação de adolescentes

Cidade pretendia vacinar adolescentes de 12 a 14 anos

Isso os brasileiros não aprendem na escola

Porque temos que ficar por mais de uma década aprendendo coisas inúteis nas salas de aula?
- Publicidade -