22.9 C
Belo Horizonte
Thursday, 17 / June / 2021
- Publicidade -

Protótipo da SpaceX realiza voo e aterrissagem com sucesso

Mais Notícias

Astrofísica brasileira na China: “Vivemos era de ouro na astronomia”

Pesquisadora lista avanços na conquista do espaço neste ano

China prepara-se para enviar tripulação à sua estação espacial

Composta por três astronautas, tripulação será enviada em junho

Chegada do 5G deve revolucionar a indústria brasileira

Tecnologias como os carros autônomos e a telemedicina devem avançar com sua implementação

5G trará mais eficiência para o setor produtivo e acesso mais barato para o consumidor

Já adotada em alguns países, a tecnologia é 20 vezes mais rápida do que o 4G

A SpaceX realizou com êxito, nessa quarta-feira (5), em Boca Chica, no Texas, mais um lançamento teste do protótipo do seu futuro foguete, o SN15 (Serial Number 15). O lançamento foi para testar a capacidade desse novo tipo de aeronave decolar e aterrissar na vertical, tornando possível sua reutilização. 

Com isso, a SpaceX  avança na garantia e confiança que a Nasa, a agência espacial norte-americana precisa, pouco tempo depois de ter concedido a autorização para a nova missão de regresso à Lua.

Serial Number 15

“Nós temos ignição. O foguete está de regresso ao local de aterrissagem”. Pouco depois, a SN15 escondia-se atrás da cortina de fumaça gerada na aterrissagem, criando o suspense de um desfecho menos feliz, assim como suas sucessoras. Mas desta vez tudo correu como previsto. Ainda houve umas labaredas que não deveriam existir, o que será analisado pela equipe que lidera o processo. 

Foram pouco mais de seis minutos entre a decolagem e a aterrissagem em Boca Chica, local e centro de testes dos protótipos Starship da SpaceX.

A SN15 esteve por várias semanas na plataforma de lançamento, onde foram realizados alguns testes de fogo fixo, um procedimento quase obrigatório nessas fases, que consiste na ligação dos três motores instalados no foguete.

Após vários cancelamentos devido às condições atmosféricas, autorizações e anomalias técnicas de última hora, foi dada luz verde para o lançamento do equipamento.

O teste dessa quarta-feira ocorreu de forma muito semelhante aos voos anteriores. O foguete subiu verticalmente, com o impulso dos três motores Raptor alimentados a metano. O teste voltou a realizar o que os seus antecessores fizeram, uma subida até 10 quilômetros de altitude, desligando progressivamente um a um os propulsores.

Após o corte do último propulsor, o SN15 começou a descida de forma controlada e na horizontal, uma manobra que a SpaceX descreve como necessária para poupar combustível e reduzir a velocidade na reentrada da atmosfera terrestre.

O dono da SpaceX, Elon Musk, disse que o Starship é o núcleo de uma futura frota de foguetes que impulsionará o homem para o espaço, a Lua e, mais tarde, até Marte. O projeto já foi confirmado, em parte, pela Nasa,

A SpaceX também vendeu um voo particular em volta da lua (dearMoon) usando a Starship, ao multimilionário japonês Yusaku Maezawa, e procura atualmente oito tripulantes, voluntários, para voar com ele.

- Publicidade -

Mais Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Paraguai estreia na Copa América com vitória

Albirroja derrota Bolívia por 3 a 1 e assume liderança do Grupo A

Premiê britânico adia relaxamento de lockdown em um mês

Boris Johnson citou risco da variante Delta

Betim inicia amanhã vacinação de estudantes de 12 a 14 anos de idade

A vacinação dos professores já foi iniciada no município mineiro
- Publicidade -