13.4 C
Belo Horizonte
Friday, 25 / June / 2021
- Publicidade -

Covid-19: Anvisa reduz exigências para análise de registro de vacinas

Mais Notícias

Brasil recebe novo lote com 300 mil doses da vacina da Janssen

Nesta sexta-feira chegarão mais 3 milhões de doses do imunizante

Estados Unidos doam 3 milhões de doses da Janssen para o Brasil

Previsão é que lote chegue ao país na sexta-feira

Covid-19: Brasil registra 2.392 mortes e 115.228 casos em 24 horas

Total de casos confirmados é de 18,17 milhões

1º Lote de 1,5 milhão de doses da vacina da Janssen chega ao Brasil com atraso

Imunizante tem dose única e será distribuído aos estados

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou uma nota técnica para simplificar o procedimento de análise de dados e registro de vacinas contra a covid-19 no país. A nota, reduz exigências para admissão do protocolo dos novos produtos. A proposta, apresentada ontem (29), determina que após a inclusão das informações, a equipe irá analisar documentação em até 20 dias.

O procedimento, chamado de submissão contínua, diz que a análise dos dados referentes aos imunizantes acontecerá na medida em que forem gerados e apresentados à Anvisa os resultados das pesquisas, “visando uma posterior submissão de registro quando do preenchimento dos requerimentos regulatórios necessários”.

“A partir da adoção desse procedimento, não será preciso aguardar a disponibilização de todos os dados e documentos técnicos, bem como o preenchimento dos requerimentos regulatórios, para realizar a submissão do registro junto à Anvisa. Ou seja, conforme os dados forem gerados, estes deverão ser apresentados à Agência, de modo que o processo regulatório seja agilizado”, informou a Anvisa.

De acordo com a agência reguladora, a estratégia tem como objetivo acelerar a disponibilização à população brasileira de vacinas contra o novo coronavírus, desde que garantidas a qualidade, a segurança e a eficácia.

Segundo a nota técnica, o pedido de registro da possível vacina deve ser protocolado com uma justificativa e conter informações sobre o status regulatório mundial, histórico de interações prévias do requerente com a Anvisa e um cronograma de submissão da documentação técnica a ser avaliada.

A cada nova etapa deverá ser feito um aditamento com informações sobre a pesquisa. Caberá à Anvisa analisar a documentação em até 20 dias, “a depender da quantidade de dados submetida, contados a partir da data do protocolo.”

O procedimento será repetido a cada nova submissão de informações. O número de ciclos de aditamentos dependerá do número de pacotes a serem submetidos pela empresa interessada, não havendo limite imposto pela Anvisa para este número.

“Os produtos que tiverem sua análise iniciada pelo procedimento de submissão contínua poderão ter submetido seu pedido de registro formal após a conclusão do último aditamento protocolado e após avaliação pela empresa quanto à suficiência dos dados de qualidade, eficácia e segurança para o estabelecimento de uma relação de benefício-risco positiva e robusta, considerando a indicação terapêutica pleiteada e as discussões prévias com a Anvisa”, diz a nota técnica.

Edição: Denise Griesinger

- Publicidade -

Mais Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Últimas Notícias

Aprovação da reforma tributária é urgente e garante simplificação do sistema de arrecadação de impostos

Para o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), “a reforma tributária é fundamental”, mas “não deve gerar aumento de carga aos contribuintes brasileiros.”

Portaria restringe entrada de estrangeiros no país

De caráter temporário, medida está no Diário Oficial da União

Minas Gerais tem 45.245 mil óbitos pelo novo coronavírus

Minas Gerais registra 209 óbitos nas últimas 24h

Especialistas respondem porque é essencial tomar a segunda dose da vacina

Dúvida ainda é frequente entre brasileiros, que também questionam quais pessoas com comorbidades que podem vacinar contra a Covid-19

Brasil recebe novo lote com 300 mil doses da vacina da Janssen

Nesta sexta-feira chegarão mais 3 milhões de doses do imunizante
- Publicidade -
- Publicidade -